sexta-feira, maio 27, 2005

365 DIAS


K. Haring
FRIENDS


Assinalo hoje 365 dias "À Rédea Solta"!
E após 261 posts, milhares de caracteres, muitas fotos, não sei quantos visitantes porque não tenho contador, – aliás, não sei como se instala um e se algum voluntário quiser fazer o favor de me ensinar, fico eternamente agradecida, – muitos comentários, 1210 espreitadelas no Personnal Profile, algumas – poucas - pessoas que se conheceram e cuja amizade cresceu, amizades virtuais e empatias, “raivas de estimação”, muitas horas de sono a menos, muitos livros que ficaram por ler, a convicção de que VALEU A PENA.

Aos que me visitam e deixam rasto e aos que nem sonho que por cá passam, aos que me incentivam e aos que criticam construtivamente, aos que sentem saudades nos dias em que me ausento e a todos os contribuem para que o blog continue, uma fatia do meu bolo e uma taça de Champanhe.

Bem Hajam!

quarta-feira, maio 25, 2005

A NÃO PERDER


Maria Sobral Mendonça

Da lenda à representação pictórica, da palavra à cor,
do filme à música, da instalação à imagem gráfica.

Capela Real do Palácio Nacional da Ajuda, em Lisboa
Largo da Ajuda
1349-021 Lisboa
A Exposição estará patente até 24 de Julho de 2005,
todos os dias excepto às quartas-feiras,
das 10.00 horas às 17.00 horas

segunda-feira, maio 23, 2005

NUNO RODRIGUES, 2003, acrílico sobre tela
Colecção Particular

sábado, maio 21, 2005

UM MINUTO MAIS TARDE...

OLYMPUS [mju:] 300 digital
antes das trevas

sexta-feira, maio 20, 2005

DOIS MINUTOS DEPOIS...

OLYMPUS [mju:] 300 digital
o instante fugaz do ocaso

quarta-feira, maio 18, 2005

HÁ VIDA...


OLYMPUS [mju:] 300 digital
... para além do futebol!
Pouco nos sobra...
Não temos indústria, o ICEP (será que a sigla ainda é esta?) deixou de "vender" os nossos sapatos, a agricultura... bom, este ano a culpa é da seca, o Turismo há muito que está "mal gerido", - é mais barato fazer férias "lá fora" do que "cá dentro"! - o Mourinho mudou-se para o reino da "Prima Isabelinha", o Senhor Governador do Banco de Portugal deu notícias com vários anos de atraso, há "guerra" no Concelho de Oeiras, o desemprego aumenta todos os dias, os preços também e o IVA para lá caminha, e se grande parte da geração dos meus pais, no pós guerra, começava a vida adulta em "partes" de casa alugada, a geração dos meus filhos, empenha a "alma" e o vencimento dos próximos 25 ou 35 anos para comprar um T qualquer coisa.
Sobra-nos a Taça UEFA, - e espero que sim e vamos "torcer" - se o SCP a conquistar.
FORÇA SPORTING!!!

Uma Pequena Explicação

Sobre a recente interrupção de comentários no blog, e porque sinto ser a mesma devida a todos os que por aqui passam, os conhecidos, os desconhecidos, os que deixam pegadas e os que nada escrevem, mas que aqui vêm por bem, animados do respeito pelas opiniões alheias, e apesar de ser este blog especialmente vocacionado para a divulgação das Artes Plásticas, começaram a surgir alguns comentários, de cariz "inconveniente", deixados repetida e aleatoriamente, a respeito de nada do que aqui se escreve, e que têm apenas por finalidade atingir alguém do www.oeiraslocal.blogspot.com onde deixo uma pequena contribuição na área do Património Monumental e Artístico.
O assunto está devidamente encaminhado, por quem de direito, para os serviços respectivos, e espera-se que neste País onde, por norma, quase que apenas contam os direitos dos que não respeitam os direitos dos outros, alguma coisa seja feita.

OS VERDES CAMPOS DA IRLANDA


Cover painting
by Richard Prideaux

An Acre of Grass


Picture and book remain,
An acre of green grass
For air and exercise,
Now strenght of body goes;
Midnight, an old house
Where nothing stirs but a mouse.
(...)

segunda-feira, maio 16, 2005

VERDE



O meu coração continua VERDE!

terça-feira, maio 10, 2005

domingo, maio 08, 2005

EXPOSIÇÃO DE PINTURA E ESCULTURA




Palácio dos Aciprestes
Av. Tomás Ribeiro, 18 Linda-a-Velha
Telefone 214158160
fmpombal@mail.telepac.pt


8 de Maio a 28 de Maio de 2005
Seg. a Sex. das 15h às 18h - Sáb. das 15h às 19h.

sexta-feira, maio 06, 2005

VERDES SÃO...

... OS CAMPOS, DA COR DO LIMÃO,
VERDES SÃO OS OLHOS, DO MEU CORAÇÃO!

E O MEU CORAÇÃO TAMBÉM É VERDE!


quinta-feira, maio 05, 2005

A FRASE DA SEMANA

Se tivesse
que escolher
entre
a PIDE e a
censura como
a arma mais
eficaz do
regime,
eu escolheria
a censura.

José Pacheco Pereira
Professor
na SÁBADO.

EM SINTRA DIAS 14 E 15 DE MAIO

A APCA vai estar presente na Feira das Instituições Sociais organizada pela nossa Junta de Freguesia !
DIAS 14 E 15 DE MAIO DAS 10H ÀS 18H - LARGO DA FEIRA EM S.PEDRO DE SINTRA
Esta iniciativa da Junta de Freguesia visa a promoção das Instituições de Solidariedade Social locais e a angariação de fundos para as mesmas.
O programa Geral :
- Artesanato
- Quermesse
- Animação Cultural
A participação da APCA:
- Venda de produtos para angariação de fundos
- Recinto de Obstáculos destinado à brincadeira com cães.
- Passeio Mistério no dia 14 com partida às 15 horas
- Passeio Mistério no dia 15 com partida às 12 horas
- Concurso " O cão mais parecido com o dono e vice-versa" no dia 15 às 15h 30m
Convidamos todos a visitarem a feira e a participar nas nossas actividades !
Para participar nos Passeios e no Concurso é necessário que compareçam com o mínimo de 30 minutos de antecedência.
Os padrinhos e madrinhas que queiram aderir deverão ir buscar os seus afilhados ao canil.
Divulguem e Participem !
Os "meninos" da APCA contam convosco !

terça-feira, maio 03, 2005

PREOCUPAÇÕES DE UMA CONDUTORA

Guardas à civil em carros disfarçados
Jorge Sampaio viajou no carro da BT entre Lisboa e Santarém e pediu que os militares não usem farda O Presidente da República sugeriu ontem que os militares da Brigada de Trânsito que fazem patrulhamento em carros descaracterizados não devem andar fardados para melhorar a eficácia da fiscalização. “Tudo à paisana”, pediu Sampaio, depois de uma viagem na auto-estrada do Norte (A1) num BMW todo preto da GNR, no primeiro dia da presidência temática dedicada à sinistralidade rodoviária.
C.M.

Perguntas que eu gostaria de fazer :

A Sua Excelência, O Senhor Presidente da República.
(em quem não votei mas que respeito.)

Não acha, V. Exa., que os cidadãos condutores, - e principalmente os do sexo feminino - correm perigo, ao decidirem acatar este seu pedido?
Eu, enquanto condutora, e na situação de ser mandada parar, de noite, numa estrada deserta, mal iluminada, ou mesmo bem iluminada, por "agentes" fardados, cuja viatura com logotipo poderá nem estar visivel - por vezes, muitas vezes, até está oculta sob a vegetação que ladeia as nossas estradas - não poderei deixar de sentir receio, porque e como V. Exa. muito bem sabe, - e eu também sei, e não é por "ver muitos filmes", como diz o meu filho, mas porque leio muitos jornais e vejo muitos telejornais - comprar "fardas" é muito fácil, bastante mais fácil aos que as querem comprar para fins ilícitos do que aos cidadãos de bem, que esses nem as compram por não lhes serem de utilidade. E abro aqui um parêntesis, parece que aos "agentes" também é difícil dado o elevado custo das mesmas. Quanto às "sirènes" azuis, nada me admiraria, se num dia destes, as encontrasse à venda numa qualquer loja do "euro e meio". Agora, imagine V. Exa. Senhor Presidente da República, se eu vou parar, a mando de "pessoas" à paisana, e numa viatura descaracterizada.

segunda-feira, maio 02, 2005

PREOCUPAÇÕES DE UMA DONA DE CASA



Perguntas que eu gostaria de fazer:

Ao Senhor Ministro das Finanças.

Porque razão, um pacote de legumes sortidos, congelados, para sopa, é taxado com 5% de imposto, ao passo que um pacote de legumes sortidos, congelados, para estufar ou guisar, é taxado com 19%?
Será luxo comer legumes que não em sopa?


O AUTOMÓVEL VERMELHO

A foto do dia de ontem suscitou alguma curiosidade quanto à marca do exemplar automóvel. Consultado o "perito" cá de casa, da área respectiva, as conclusões não foram definitivas. "Bugatti", talvez, disseram-me! Fica aqui um pedido, aos que me visitam, e que saibam a marca do belo automóvel vermelho - que me parece igual ao verde em plano de fundo - que a partilhem connosco.

domingo, maio 01, 2005

DIA DA MÃE NO DIA 1º DE MAIO


*

Não me sinto conservadora a não ser nos valores que me foram transmitidos na casa de meus pais e de meus avós e confesso que para mim o Dia da Mãe estaria muito melhor a 8 de Dezembro como sempre festejei em criança. E mesmo quando chegada a minha vez de ser mãe e as crianças eram incentivadas no colégio a preparar um presente, nos tempos antes da idade da consciência de que há presentes que se podem comprar com dinheiro, e mais tarde presentes singelos comprados com as pequenas semanadas e que deram lugar a presentes mais sofisticados, habitualmente perfumes e livros, comprados com a ajuda do pai e a cumplicidade do meu livreiro habitual da Clássica Editora dos Restauradores, onde todos os dias entrava no percurso entre o Palácio Foz e a Ginginha, local de beber café com as colegas, na mudança do turno de trabalho, conquista do 25 de Abril que antes da revolução as Senhoras não entravam em tal sítio, para ver as novidades e sentir o cheiro dos livros, sim que os livros têm cheiro e eu gosto do cheiro que os livros têm, assim como gosto do cheiro que há nas papelarias, nesse tempo dizia eu os meus filhos iam à Clássica perguntar se durante a semana a mãe teria mostrado um interesse especial por algum livro e se poderiam na eventualidade de a mãe já o ter ou não estar interessada nele voltar para fazer a troca, muito a contragosto fui aceitando o dia da mãe em maio. O hábito foi-se instalando mas o gosto não se instalou que a data móvel era susceptível de esquecimento, não da parte dos meus filhos mas da minha, e sempre que de repente era confrontada com o calendário e agenda – o dia da mãe é amanhã!
Com o passar dos anos e o terminar das faculdades e porque todos os motivos são válidos para partilhar da presença dos filhos, anos houve em que instituí dois dias da mãe por ano, o de maio dos nossos dias e o de dezembro que me lembrava os tempos em que criança eu o festejava com a minha mãe. Mas nunca a data foi celebrada em dia tão apropriado, pelo menos que me lembre, por estarmos a celebrar no 1º de maio, dia do trabalhador, o dia da mãe, que não há maior trabalhador que uma mãe e ainda para mais trabalhadora.

* A foto não tem nada a ver mas o carro é lindo! Digam lá se não é!